Como canta o compositor Paulinho da Viola: “Dinheiro na mão é vendaval”, por isso, atenção!

 

Não gaste mais do que o seu orçamento mensal: 

É muito comum nos depararmos em situações de aperto financeiro, não é? Isso porque muitas vezes fazemos uso excessivo do cartão de crédito, extrapolamos o limite do cheque especial ou até mesmo acumulamos boletos e carnês para pagar ao fim do mês.

Vamos te contar um segredo: Isso vai virar uma bola de neve! Apenas pare e reflita, você precisa mesmo de tudo o que consome?

Tenha em mente os gastos fixos essenciais como: moradia, alimentação e transporte, e depois disso, faça uma lista com as outras coisas que você costuma gastar e estabeleça um limite para cada  desejo de compra. O segredo é se planejar.

Pesquise os melhores preços

Quando se planeja uma compra com antecedência, achar os melhores preços torna-se mais fácil. Antes de comprar, sempre pesquise em lojas concorrentes e também na internet se possível. Avalie as condições de pagamento, os juros, benefícios e etc. Para economizar, precisa estar disposto a buscar os melhores preços.

 

Fique atento com o uso do cartão de crédito

É importante lembrar que o cartão de crédito é uma opção para situações de emergência, ou compras essenciais que precisam ser parceladas. Fique atento para que a soma dos gastos na mesma fatura não ultrapasse a sua renda fixa do mês.

Alinhe com o seu banco um limite razoável para o cartão, a melhor data para pagamento e negocie ao máximo as taxas de anuidade. E sempre que possível, tente pagar o valor total da fatura, pois quando pagamos o mínimo, os altos juros na próxima cobrança será inevitável.

Evite andar com muitos cartões ou mais do que R$ 20 reais no bolso

Se você não se programou para comprar alguma coisa ou saiu de casa apenas para pagar as contas do mês, atenção, não leve mais do que vinte reais ou cartões com você sem direcionamento certo, deste modo, evita-se compras desnecessárias na rua. Não caia na tentação de gastar mais do que o planejado.

 

Transforme os gastos variáveis em contas fixas 

Não vivemos apenas de contas a pagar, não é mesmo? Economizar ou usar o dinheiro de forma sustentável e consciente não significa que você não pode se divertir, pelo contrário. Investimentos com a cervejinha do fim de semana, almoços fora de casa, fast-food, roupa nova e demais comprinhas também podem se tornar uma conta fixa no seu planejamento mensal, assim você pode garantir os seus ‘mimos’ sem comprometer sua renda, apenas determine um limite. O segredo aqui, de novo, é:  planejamento!

Utilize apps e sites gratuitos que possam te ajudar com a organização das finanças

Por fim, e não menos importante tenha visibilidade dos seus gastos. É necessário que você tenha completa noção de onde você gasta o seu dinheiro para que saiba o que cortar quando necessário e onde investir quando possível.

 

 

Veja algumas ferramentas gratuitas que podem te ajudar: 

Bovespa: http://www.b3.com.br/pt_br/b3/educacao/educacao-financeira/planilha-de-orcamento/

Guia de Bolso: https://play.google.com/store/apps/details?id=br.com.guiabolso&hl=pt_BR

Organizze: https://play.google.com/store/apps/details?id=com.organizze.android&hl=pt_BR

 

 

Comentário